Faltam apenas 6 meses: Um novo Brasil sob o comando de Luiz Fux

8

Por Diário do Brasil – Patrícia Moraes Carvalho 

Eleito para comandar a Suprema Corte por um período de 2 anos, Dias Toffoli (ex-assessor de José Dirceu na  Casa Civil) passará o bastão da presidência daqui a exatos 6 meses.

Luiz Fux, defensor implacável da prisão após condenação em 2ª instância, será o novo presidente do STF.

Em novembro deste ano, a aposentadoria obrigatória alcançará Celso de Mello, que desde agosto de 1989 tem cadeira na Corte Suprema.

Continua Depois da Publicidade

No próximo ano, mais uma vaga será aberta no Supremo, com a saída do ministro Marco Aurélio Mello, que completará 75 anos.

Trocando em miúdos …

A alegria do PT e de seus aliados politicos corruptos estão com os meses contados.

Sob a batuta de Luiz Fux, Bolsonaro indicará dois novos ministros para o Supremo.

Com a nova configuração do Tribunal, os ministros Gilmar Mendes, Lewandowski, Dias Toffoli e Rosa Weber serão (simplesmente) massacrados e jogados para escanteio.