Projeto futuro: Palmeiras faz renovação “em massa” com as principais promessas do clube

7

Verdão acerta novos vínculos com as maiores revelações, inclusive quem está no profissional

Por Fabricio Crepaldi e Felipe Zito

A diretoria do Palmeiras tem realizado nas últimas semanas uma renovação “em massa” com as maiores promessas das categorias de base do clube – algumas delas já no profissional. Assim, tem ajustado o salário e aumentado o tempo de vínculo, além das multas, dos principais jovens jogadores.

Dos que já fazem parte do elenco principal, os mais recentes foram Gabriel Menino e Patrick de Paula, que assinarão nos próximos dias contratos até o fim de 2024, e Luan Silva, agora emprestado pelo Vitória até o fim do ano. No caso dele, o clube adquiriu 15% dos direitos e manteve a opção de compra no final.

Continua Depois da Publicidade

No ano passado, o Palmeiras já havia acertado a extensão com Gabriel Veron, também até o fim de 2024, e agora discute um novo vínculo para o atacante Wesley.

Dos atletas que ainda fazem parte das categorias de base, o Verdão também fechou acordos com aqueles considerados mais importantes. Campeões do Mundial Sub-17 com a seleção brasileira, ao lado de Veron, os zagueiros Henri e Renan e o lateral Gustavo Garcia são outros que renovaram por mais cinco anos com o Palmeiras.

Desde a chegada do técnico Vanderlei Luxemburgo, neste ano, a base tem tido papel importante no plantel principal do Palmeiras. Oito jogadores foram promovidos para o elenco profissional (Pedrão, Esteves, Gabriel Menino, Patrick de Paula, Alan, Angulo, Gabriel Veron e Wesley). Apenas Alan, Esteves e Angulo ainda não foram testados pelo treinador, enquanto Pedrão foi emprestado ao Athletico-PR.