Fiscais e equipes da Vigilância Sanitária recebem treinamento para atuar na fiscalização de comércios e indústrias de Três Lagoas

7

Na tarde desta segunda-feira (06), os 120 servidores municipais voluntários e a equipe de Vigilância Sanitária da Prefeitura de Três Lagoas receberam treinamento para as ações de fiscalização aos comércios e indústrias do Município. Marcada para começar nesta terça-feira (07), a fiscalização vai percorrer quatro áreas da Cidade para identificar se os estabelecimentos comerciais e industriais estão seguindo as medidas de prevenção contra o COVID-19 (Coronavírus), conforme decreto municipal nº  73.

O comércio volta a funcionar nesta terça-feira, com algumas regras de higiene e prevenção firmadas pelo mesmo decreto, devendo ser seguidas pelos proprietários. Diante disso, as Secretarias Municipais de Saúde (SMS), Governo (SEGOV) e Administração (SEMAD) traçaram um planejamento e, contando com servidores voluntários, colocam em ação o plano de fiscalização “Três Lagoas de Olho no Coronavírus”.

Neste treinamento, a diretora de planejamento da SEGOV, Juliana Petek, explica como foi montado mapeamento das áreas a ser fiscalizadas, horários e devidas formas de abordagem. “Dividimos em quatro setores sendo, área central, avenidas, principais ruas com grande número de comércios e Distrito Industrial. O monitoramento será diário, pois, precisamos identificar se os proprietários estão cumprindo as regras do decreto e colaborando com as ações de prevenção ao Coronavírus”, explicou.

A secretária de Saúde, Angelina Zuque, disse que os agentes da Vigilância Sanitária serão importantes na ação. “A participação de vocês, com ideias e trabalho, será primordial para a fiscalização dar certo, pois, vocês estão na rua, já conhecem o comércio e podem colaborar com sugestões para aplicarmos no dia-a-dia. Nossa meta é evitar novos casos de COVID em Três Lagoas”, pontuou.

Para o prefeito Angelo Guerreiro, o trabalho requer responsabilidade, mas também, humanização. “Estamos vivendo um período crítico, onde não somente a saúde está comprometida, mas a estabilidade financeira de todos. Os comerciantes sofreram com o fechamento de 15 dias e agora voltam a trabalhar tendo que se adequar às novas medidas. Peço a vocês que, no ato de fiscalizar, orientem da melhor forma possível, e multipliquem aos comerciantes e funcionários que esta é uma luta de todos nós”, ressaltou o prefeito.

Secretários e diretores de todas as pastas do Poder Executivo estiveram presentes no ato. Representantes da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Departamento Municipal de Trânsito também participaram do treinamento, pois, prestarão apoio nas fiscalizações.