Veja a entrevista com Mãe e Policiais que salvaram a vida do seu bebê

50

Neste sábado (27) as equipes de jornalismo dos sites “Três Lagoas no Ar“, “Sem Limites News” e “Web Favorita.Com” organizaram o encontro com a jovem Maria Luiza e os policiais militares de Três Lagoas que salvaram a vida do seu filho de apenas 14 dias.

O encontro foi realizado nas dependências do 2º Batalhão de Polícia Militar em um dia chuvoso.

ENTENDA O CASO: Na última quarta-feira (24) os policiais militares Cabo Ozuna e Soldado J. Santos (filho do lendário Subtenente Eduardo), estavam em uma ocorrência por volta das 22h na Avenida Filinto Muller, área central, quando foram abordados por um veículo Fiat Pálio e uma mulher desesperada saiu do carro com uma criança nos braços gritando por socorro. O bebê se afogou no leite materno e não estava respirando.

Os militares procederam os primeiros atendimentos no bebê que estava desacordado e sem respiração, usando técnicas específicas, ele foi colocado em decúbito ventral sobre a coxa do soldado que iniciou a manobra de primeiros socorros utilizada em casos de emergência por asfixia por nome Manobra de Heimlich, com intuito de desobstruir as vias aéreas.

Momentos depois o recém-nascido de apenas 14 dias de vida começou a chorar e expelir secreção pelas narinas. “Neste momento não aguentei a emoção e chorei”, relatou emocionado o Soldado herói ou herói soldado.

No exato momento passou pelo local uma ambulância de empresa particular de saúde composta por um socorrista e enfermeira que ao visualizarem a situação imediatamente se ofereceram para ajudar.

A enfermeira avaliou o recém nascido e constatou que o mesmo encontrava-se bem e o encaminhou ao Hospital Auxiliadora.

Importante ressaltar a ação dos dois militares, pois enquanto um prestava socorro para o bebê, o outro tranquilizava os familiares que estavam em total desespero.

Na entrevista a mãe relata o que aconteceu, como a criança se afogou, quais foram suas reações vendo o filho naquela situação.

O Cabo Ozuna e Soldado J. Santos relatam a tensão no momento em que o veículo em alta velocidade parou de forma abrupta ao lado da viatura e, a reação ao ver a mãe saindo desesperada do carro gritando por socorro.

“Só tenho a agradecer a Deus que sempre coloca as pessoas certas nos locais certos na hora certa. E estou ansioso para fazer uma visita ao pequeno Arthur para rever este pequeno grande herói, pois ele lutou pela vida”, disse o Cabo.

Veja a mensagem dos militares e a experiência retirada desta situação que ficará marcada na vida de todos. Eles aproveitaram a oportunidade para recomendar algumas medidas de prevenção de acidentes para a população, principalmente para as famílias com bebês e crianças.

A mãe, agora passado o momento de desespero, finaliza com um lindo agradecimentos aos militares.

Entrevista com o cabo ozuna e soldado J Santos

Posted by Adilson Cardoso on Saturday, June 27, 2020