STJ suspende depoimento de Witzel em apuração sobre gastos na saúde

2

Decisão atendeu a um pedido da defesa do governador

Por O Dia

Rio – O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), o ministro João Otávio de Noronha, suspendeu o depoimento que o governador Wilson Witzel prestaria ao Ministério Público Federal (MPF), nesta sexta-feira, na investigação que apura suspeitas de fraudes em gastos na área da saúde.

A decisão do magistrado atendeu a um pedido da defesa do governador, que alegou não ter tido acesso a todas as informações da investigação sobre supostos superfaturamentos na compra de respiradores e contratação da organização Iabas para a construção de hospitais de campanha durante a pandemia do coronavírus. 

Em nota, a defesa de Witzel diz que tem pedido acesso a documentos recebidos pela Procuradoria Geral da República (PGR) do Ministério Público do Rio de Janeiro, mas que não foram juntados aos autos e são relevantes.

“O governador sempre se manteve à disposição das autoridades e compareceu regularmente ao depoimento anteriormente marcado”, diz a nota.